VERDADES E VESTIMENTAS – Curso GRATUITO

Tema: Prosperidade e Próposito
Início das Aulas: 24/02/2015
Horário: 20:00 Hrs

ba_blog_curso2015

CONTEUDO-PROGRAMATICO2015O que é que você quer para a vida em sociedade? O que você quer para você? Você está satisfeito com a forma como a vida tem se desenvolvido? Você está satisfeito com essa busca tão frenética por poder e por lucro? Essa focalização tão intensa em dominar a matéria de forma que o Espirito que te habita é completamente esquecido?

A proposta deste ano nos remete ao desenvolvimento capacitador da Inteligência Emocional, voltado a libertação da ideia de vitimização, implicando na responsabilidade individual.

A inteligência emocional precisa ser desenvolvida. 

Você precisa ter disposição para bater na porta da verdade. Verdade sobre você mesmo.

Quando falo de prosperidade eu não estou falando de acúmulo, necessariamente. 

Estou falando que você precisa ter a confiança de que suas necessidades serão atendidas; estou falando em você se libertar do medo da escassez. Eu estou falando em você viver sem medo, você vive sem ódio. 

Confiança de que suas necessidades serão atendidas. E as necessidades são atendidas; eu lhe garanto. 

O sofrimento se alimenta de sofrimento. 

Quando você olhar para a pobreza e não ter mais medo dela, ela nunca mais te pega. Eu te garanto isso! Isso é prosperidade. Da prosperidade nasce a plenitude e nasce a paz. Nós temos que criar paz, e para criar paz nós temos que romper com a guerra. Para romper com a guerra você primeiro tem que identificar a guerra dentro de você que começa no seu dia a dia, com a sua pequena família. 

O ser humano é capaz de coisas que a mente não explica. O ser humano é capaz de um perdão, capaz de ser canal de um amor sem limite. Hoje isso é apenas uma possibilidade.

Do jeito que nos estruturamos atualmente, as pessoas não param, nunca realmente chegam em algum lugar (o corpo chega, a mente demora). Parece até estranho dizer isso assim, mas é verdade: a gente quase não se encontra mais. 

“Ao mesmo tempo em que tentamos nos ver como melhores do que os outros, tendemos também a nos “estripar”com autocrítica, quando não alcançamos altos padrões. Logo que nossos sentimentos de superioridade escorregam — como inevitavelmente acontece — nosso senso de dignidade cai vertiginosamente. Nós balançamos descontroladamente entre autoestima excessivamente inflada e excessivamente esmorecida, uma montanha russa emocional, cujo resultado final é, muitas vezes, insegurança, ansiedade e depressão.”
Kristin Neff

Venha conhecer, Vem…Vem ser!


Local: Centro de Convivío e Cultura Vila Mariana – Rua Corredeira, 26 – Bairro Vila Mariana

Mapa do Local

Apoio:

prefeitura-vilamariana

Close